Teste de antígeno para Coronavírus: o que é?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Já conhecemos bem o pacote de medidas de prevenção para evitar a infecção pelo SARS-CoV-2, o vírus que causa a COVID-19: usar máscaras, higienizar frequentemente as mãos com água e sabão ou álcool a 70%, o distanciamento físico quando possível, a etiqueta respiratória (cobrir nariz e boca com o braço ao tossir ou espirrar), limpar e desinfetar os ambientes, evitar as aglomerações em ambientes fechados bem como garantir a boa ventilação de qualquer ambiente assim.

Além de todas essas medidas, também é importante fazer o exame que detecta a infecção sempre que há suspeita. Dessa forma, é possível isolar rapidamente qualquer pessoa que está com a COVID-19, o que é essencial para evitar a transmissão do vírus para outras pessoas.

Acompanhe o artigo e saiba mais sobre os exames que detectam a COVID-19, em especial o teste de antígeno, que identifica as proteínas virais.

Quais são os exames de COVID-19?

São vários os tipos de testes para COVID-19 disponíveis no mercado e que podem ser realizados em hospitais, laboratórios, clínicas, consultórios e também em locais de fácil acesso, como farmácias.

Existem os exames de Biologia Molecular, que detectam o material genético do vírus, os exames que detectam os anticorpos (IgM e IgG) produzidos pelo organismo para combater a infecção e também os exames que detectam os antígenos virais, ou seja, as proteínas do SARS-CoV-2.

O exame ou teste de antígeno surgiu como uma forma de identificar o mais rápido possível a infecção, uma vez que, assim como o exame de RT-PCR, é indicado para a fase inicial. No entanto, o resultado sai em apenas alguns minutos e não em 2,3 dias como o exame de RT-PCR.

Como é feito o exame de Antígeno para Coronavírus?

Assim como o exame de RT-PCR, o exame de antígeno também é feito com um swab nasofaríngeo, que nada mais é do que um cotonete mais longo. Esse cotonete é inserido na cavidade nasal até que sua ponta de algodão atinja a região da nasofaringe.

No caso do exame laboratorial remoto para Coronavírus da Hilab, essa amostra é inserida em uma cápsula de exame, digitalizada e enviada por meio da internet para os profissionais de saúde do laboratório de análises clínicas Hilab. Em até 30 minutos, você recebe o laudo diretamente no seu celular.

Quem pode fazer o exame de antígeno Hilab?

Qualquer pessoa que esteja com sintomas da doença (1º ao 5º dia do início dos sintomas) ou que tiveram exposição ao vírus (a partir do 5º dia da exposição).

Como interpretar o resultado do Exame de Antígeno para Coronavírus Hilab?

Não reagente

O resultado indica que não foi detectada a presença de antígenos (proteínas) do vírus SARS-CoV-2 na amostra de secreção de nasofaringe analisada. Sugere ausência de infecção por coronavírus. O resultado deve ser interpretado por um médico, que deverá considerar alguns fatores como manifestações clínicas, tempo de início dos sintomas e outros exames confirmatórios.

Reagente

O resultado indica a presença de antígenos do vírus SARS-CoV-2 na amostra de secreção de nasofaringe analisada. Sugere infecção pelo coronavírus. O resultado deve ser interpretado por um médico que deverá considerar alguns fatores como manifestações clínicas, tempo de início dos sintomas e outros exames confirmatórios.

Por que o exame de antígeno é importante?

Exames que detectam o SARS-CoV-2 enquanto as pessoas estão transmitindo o vírus são ferramentas essenciais no combate à pandemia. Além disso, o exame de antígeno é mais barato quando comparado ao RT-PCR.

Você sai do estabelecimento de saúde com o resultado em mãos e já pode entrar em isolamento domiciliar imediatamente, o que é essencial para diminuir a transmissão da doença.

Sobre a Hilab

A Hilab é um laboratório de análises clínicas que há mais de 16 anos atua no mercado de tecnologia médica. Nossos resultados são rápidos e confiáveis porque nós unimos a Inteligência Artificial e a Internet das Coisas ao conhecimento de profissionais de saúde altamente capacitados. Nossos Testes Laboratoriais Remotos estão disponíveis em farmácias, empresas, clínicas e consultórios de todo o Brasil. Saiba mais sobre o nosso serviço aqui.

Referências Bibliográficas:

Mina MJ, Parker R, Larremore DB. Rethinking Covid-19 Test Sensitivity — A Strategy for Containment. N Engl J Med. September 2020:NEJMp2025631. doi:10.1056/NEJMp2025631.

Organização Pan-Americana da Saúde. Organização Mundial da Saúde. Resumo Científico 9 de julho de 2020. Transmissão do SARS-CoV-2: implicações para as precauções de prevenção de infecção. Disponível em: <https://iris.paho.org/bitstream/handle/10665.2/52472/OPASWBRACOVID-1920089_por.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em: 07 de janeiro de 2020.

Leia mais:

Gostou do artigo? Avalie

Média da classificação / 5. Número de votos:

Acompanhe novidades sobre saúde e bem-estar: assine a nossa newsletter.

Para entrar em contato com a central de atendimento é necessário aceitar a Politica de Cookies.